ARTE E CULTURA >> Letras e Livros >> Livro | Lançamento

  • Minha mãe fazia - crônicas e receitas cheias de afeto

    Da Redação em 30 de Maio de 2017    Informar erro
    Local: Livraria da Tavessa
    ENDEREÇO: R. Visc. de Pirajá, 572 - Ipanema
    CONTATO: (21) 3205-9002
    DATA : 08/06/2017 HORA : 19h VALOR : R$ 39,50 (livro)
    LINK: Clique aqui e visite o site
    Noite de autógrafos do livro “Minha Mãe Fazia” (Rocco), da jornalista Ana Holanda, autora do projeto que começou no Facebook e conquista novos seguidores a cada dia. Ana é também editora-chefe da revista Vida Simples, embaixadora da The School Of Life no Brasil, colunista na revista Máxima, além de dar aulas, cursos e wokshops sobre Escrita Afetiva.

    O livro, reúne receitas que ela tirou do caderno de sua mãe, exímia cozinheira, e do seu próprio. São pratos do dia a dia, bolos, doces simples, comida sem frescura ou a pretensão de ser gourmet. Mas, experiência própria, as receitas são deliciosas e dão certo :)

    Cada família tem seu modo de preparar aquela carne de panela, um nhoque, o bolo de cenoura, a canjica, um suflê, um bolo de fubá... No livro, Ana reuniu 68 receitas que quase todo brasileiro já experimentou em casa, divididas em grupos temáticos como “Receitas tiradas da gaveta”, “Receitas para refeições em família”, “Receitas fáceis demais”, “Receitas para a lancheira”, “Receitas que favorecem a conversa ou aquietam o coração” e outras, todas precedidas por alguma história ou reflexão. Ao passar a prática receita da pizza enrolada que sua mãe preparava, por exemplo, “e que provavelmente, não tem nada nem de italiana, nem de pizza, mas a gente gosta mesmo assim”, Ana se lembra de quando andou pesquisando uma receita de ragu, um molho feito em cozimento lento e fogo baixo que “deve ter surgido num tempo em que a pressa não era essa senhora, que anda atrás da gente sempre a nos perturbar”. Afinal, conclui “cada receita conversa com seu tempo, sua origem”.

    E em Minha mãe fazia, cada crônica é sempre acompanhada por uma receita capaz de evocar lembranças da infância, de nos acalentar depois de um dia difícil, ou de trazer à tona a conversa a redor de uma mesa farta, cercada de amigos.

    Foto: Bruno de Souza


    ATENÇÃO
    Não somos responsáveis por alterações na programação.
    Recomendamos que confirmem os eventos através dos links ou telefones divulgados.
    Apenas organizamos e compartilhamos a informação.




    • ARTE E CULTURA QUE PODEM TE INTERESSAR

      Guanabara espelho do Rio, de Custódio Coimbra e Cristina Chacel
      Saiba Mais
      Reflexões rebeldes, de Cid Benjamin
      Saiba Mais
      Lançamento do livro "Minhas Desmemórias" - poemas autobiográficos
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

CURTA O BAFAFÁ!

DIVULGAÇÃO










#AGENDABAFAFA