ARTE E CULTURA >> Carnaval

  • 1912, o ano que o Brasil teve dois carnavais

    Da Redação em 14 de Fevereiro de 2022    Informar erro
    Os foliões nunca se esbaldaram tanto como em 1912. Naquele ano, o Brasil teve dois Carnavais. Isso porque faltando poucos dias para a festa faleceu o Barão do Rio Branco, ministro das Relações Exteriores e tido como herói nacional.
     
    Vítima de insuficiência renal, ele morreu aos 66 anos em 10 de fevereiro, um sábado, quando faltava exatamente uma semana para os festejos.
     
    O Brasil caiu em luto. No Rio de Janeiro, a capital da República, uma multidão fez fila no Palácio do Itamaraty para o velório e acompanhou o caixão até o Cemitério do Caju, onde o ministro foi enterrado com honras de chefe de Estado.
     
    Devido à grande popularidade do Barão, na ocasião de sua morte, o então presidente Hermes da Fonseca decretou luto oficial na cidade do Rio de Janeiro (capital da República na época) e, por considerar que não seria de bom tom que o povo saísse às ruas para brincar e cantar, adiou o carnaval de 1912  para o dia 6 de abril.
     
    No entanto, o decreto não foi muito bem-sucedido: a população foi às ruas aproveitar a folia na data normal mesmo com o clima de consternação.
     
    Em abril, quando os clubes promoveram o carnaval oficial, a população voltou às ruas para festejar, fazendo com que o ano de 1912 ficasse marcado na História com a comemoração de dois carnavais.
     
    Para ridicularizar a situação, o povo entoava uma marchinha improvisada ao cair na folia novamente:
     
    “Com a morte do Barão
    Tivemos dois Carnavá
    Ai, que bom! Ai, que gostoso!
    Se morresse o Marechá!”
     
    Fonte: Senado Federal/ O Barão
     
     


    • ARTE E CULTURA QUE PODEM TE INTERESSAR

      Quem afinal foi o Zezé, personagem da marchinha Cabeleira do Zezé?
      Saiba Mais
      Orson Welles filmou carnaval do Rio de 1942 para documentário nunca terminado
      Saiba Mais
      Fundada no Estácio, Deixa Falar foi a primeira escola de samba do Rio de Janeiro
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

DIVULGAÇÃO