ARTE E CULTURA >> Música

  • XIX RioHarpFestival 2024: concertos gratuitos com músicos de 20 países, confira a programação

    Da Redação em 23 de Junho de 2024    Informar erro
    XIX RioHarpFestival 2024: concertos gratuitos com músicos de 20 países, confira a programação
    Local: XIX RioHarpFestival 2024
    LINK: Clique aqui e visite o site
    Considerado o maior festival de harpas do mundo e único no Brasil, o XIX RioHarpFestival 2024 recebe músicos de 20 países em vários espaços do Rio e tem versões em São Paulo, Brasilia  e em cidades de 8 países europeus na sua vertente  europeia e também no Caribe.

    A África será homenageada com a harpista Kobie de Plessis da África do Sul na abertura e no encerramento  com ¨Vozes da África¨ e as harpas africanas Kora e   Kamale N´Goni (do oeste africano de 12 cordas)  além de percussão da mesma região.

    Com entrada franca, a programação vai da harpa tradicional ao koto japonês e harpas africanas,árabes e indianas, passando por fusões entre músicos de diferentes continentes e crianças e adolescentes das comunidades cariocas, que dividem o palco com harpistas, todos grandes expoentes contemporâneos do instrumento.

    Para o line-up do XIX RioHarpFestival , buscamos privilegiar artistas de regiões geográficas onde o instrumento seja destaque, além de incluir também os vários tipos de harpas e repertórios possíveis”, destaca Sergio da Costa e Silva, criador e diretor do projeto. Ele ressalta que “com isto estamos, colocando o Brasil no circuito mundial do instrumento dando continuidade às versões do Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília além da Europeia  e, assim, realizando o maior festival de harpas do mundo em duração e número de concertos
     
    Costa e Silva enfatiza ainda que “o público poderá assistir a apresentações de alto nível, com harpistas de vários países, todos escolhidos pelos seus currículos tocando nos vários tipos de harpas e um repertório bem eclético. Esta miscelânea faz com que o festival seja um evento que cresce ano a ano no Brasil , sempre para plateias cada vez maiores”. 
     
    Importante ressaltar, mais uma vez,  que o festival terá, entre julho e outubro 2024,  edições no Rio de Janeiro (XIX RioHarpFestival), São Paulo (VIII SPHarpFestival)   Brasília (II BsbHarpFestival)  e na versão europeia, em 10 cidades de 7 países (Portugal, Espanha, França, Belgica, Croacia, Italia e Austria) e no Caribe na sequência de eventos realizados em outros anos.
     
    A Harpa – Um dos mais antigos instrumentos de corda dedilhada, a harpa tem sua origem relacionada ao tanger da corda dos arcos dos antigos caçadores. Algumas ilustrações destacam a presença das harpas no Oriente Médio e Egito, por volta do ano 3.000 a.C ... De formato triangular, todas as suas cordas estendem-se perpendicularmente em relação à base de seu corpo.
     
    As primeiras harpas eram pequenas, com poucas cordas. A partir do século XVIII, passaram a ser construídas em madeira, com as cordas variando entre materiais como tripa, crina de cavalo, latão, bronze ou seda. Com o passar dos anos tornaram-se maiores, com mais cordas e, consequentemente, mais notas.
     
    A imagem do Rio David é a das mais emblemáticas e a harpa é o símbolo da Irlanda.A harpa moderna possui 47 cordas, com as 11 mais graves feitas de metal e as demais de tripa, além de 7 pedais. Atualmente, a harpa também é um dos instrumentos que compõem a orquestra, sendo normalmente posicionada entre a percussão e os instrumentos de teclado.
     
    Com quase duas décadas de tradição, o XIX  Rio Harp Festival insere-se no consagrado projeto Música no Museu, e possuiu, sem dúvida, o maior elenco de atrações de um festival internacional de harpas. 
    A programação completa também está nos sites. e www.musicanomuseu.com.br e www.rioharpfestival.com.br
     
    XIX  RioHarpFestival (1 a 31 de julho 2024)

    01 de julho (Segunda-Feira)-
    Abertura  
    Igreja N.Sa. do Carmo ( Antiga Sé)
    Rua 1º de março s/no.
    Capacidade: 250 lugares.
    13h. Camerata do Uerê part. especial Kobie de Plessis- harpa (Africa do Sul )
    _______________________________________________
    02 de julho (terça-feira)
    Centro Cultural Justiça Federal
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões). .
    Capacidade: 80 lugares.
    15hs. Kobie du Plessis  harpa (Africa do Sul)
     
    18hs- Espaço Cultural Arte SESC-
    Rua Marques de Abrantes 99- térreo.
    Capacidade: 200 lugares.
    Orquestra de Teresópolis. Participação especial Kobie du Plessis, harpa (África do Sul)
    ____________________________________________
    03 de julho (quarta-feira)
    CCBB-
    Rua 1º. Março 66- 4º. Andar -sala 26-
    Capacidade: 93 lugares.
    · 12:30 h.- Prem Ramam & friends- India- Santoor persa, Citara, Ngoni (mini harpa africana)- Música indiana
     
    Centro Cultural Justiça Federal.
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 90 lugares.
    18hs-Sala de Sessões.
    Kobie du Plessis, harpa (África do Sul).
    ___________________________________________
     04 de julho (quinta-feira) -
    Centro Cultural Justiça Federal.
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 90 lugares.
    · 15h. SHIVA GITA-INDIA- Cláudio Gama, harmonium, Mario Moura, sitar (tipo de harpa com 19 cordas), Jaffer Swamani, parkhawaj e tabla- Música Indiana.
      18h- Jésus Suarez, harpa venezuelana (Venezuela)
    ________________________________
    05 de julho (Sexta-feira)
    Centro Cultural Justiça Federal-
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 90 lugares.
    15h - Prem Ramam & friends- India- Santoor persa, Citara, Ngoni (mini harpa africana)- Música indiana
    18hs- Ádan Vasquez, harpa (República Dominicana),
    _______________________________________________
    06 de julho (Sábado)
    Palácio São Clemente (Consulado de Portugal)
    Rua São Clemente 424-Botafogo
    Capacidade: 100 pessoas.
    Ádan Vasquez, harpa (República Dominicana), Marcos Krieger, percussão, Waldemar Reis, piano  e Orquestra Juvenil Jovem.Regência Maestro Carlos Sarri
     
    ______________________________________________
    07 de julho (domingo)
    Museu da República
    Rua do Catete 153- Catete
    · 13h. Al Nur Kibir – Ruda Brauns- alaúde (tipo de harp com17 cordas), Alexandre Bittencourt-instrumentos de sopros, Jafer Swamani, derbakke -Música Árabe
    · 15h. Àdan Vasquez, harpa (República Dominicana/Estados Unidos), Marcos Krieger, percussão e Orquestra Juvenil Jovem.Regência Maestro Carlos Sarria.  
     
    _________________________________________
    08 de julho (segunda-feira)
    Real Gabinete Português de Leitura.
    Rua Luiz de Camões no.30
    Capacidade: 120 lugares.
    · 12:30h. ECOS LATINOS. Patrice Fisher, harpa; Fran Comiskey, piano; Betsy Braud, flauta (EUA) e Carlos Valadares, percussão (Guatemala)
    15hs- EURON ENSEMBLE-Enrico Euron, celtic harpa céltica, Sara Cesano, violino e  Fabiana Turello, voz & percussão.(Italia)
     
    _____________________________________________ 
    09 de julho (terça-feira)
    Centro Cultural Justiça Federal
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 90 lugares.
    · 15h. EURON ENSEMBLE-Enrico Euron, celtic harpa céltica, Sara Cesano, violino e  Fabiana Turello, voz & percussão.(Italia)
     
    Espaço Cultural Arte SESC-
    Rua Marques de Abrantes 99- Flamengo.
    Capacidade: 200 lugares.
    18hs- ECOS LATINOS. Patrice Fisher, harpa; Fran Comiskey, piano; Betsy Braud, flauta (EUA) e Carlos Valadares, percussão (Guatemala);
    ______________________________________________
    10 de julho (quarta-feira)
    CCBB –
    Rua 1º. de Março 66- 4º. Andar-  sala 26-
    Capacidade: 90 lugares.
    · 12:30 hs. 
    ECOS LATINOS. Patrice Fisher, harpa; Fran Comiskey, piano; Betsy Braud, flauta (EUA) e Carlos Valadares, percussão (Guatemala).
    18hs
    Igreja da Candelária.
    Praça da Candelária. Centro.
    Capacidade: 400 lugares.
    Banda Sinfônica do Corpo de Fuzileiros Navais. Solista,Giovana Sanches, harpa.(Brasil)
    ______________________________________________ 
     
    11 de julho (quinta-feira) -
    Centro Cultural Justiça Federal.
    Av. Rio Branco 241- Sala de Sessões.
    Capacidade: 90 lugares.
    15 hs -Baltazar Juarez, harpa (México)
    EURON ENSEMBLE-Enrico Euron, celtic harpa céltica, Sara Cesano, violino e  Fabiana Turello, voz & percussão.(Italia)
     
    ________________________________
    12 de julho-Sexta-Feira
    Centro Cultural Justiça Federal.
    Av. Rio Branco 241- Teatro
    Capacidade: 140 lugares.
    15h. Baltazar Juarez, harpa (México).
    Sala de Sessões.
    Capacidade: 90 lugares
    18hs. EURON ENSEMBLE-Enrico Euron, celtic harpa céltica, Sara Cesano, violino e  Fabiana Turello, voz & percussão.(Italia).
     
    ________________________________
    13 de julho (sábado)
    Museu da República
    Rua do Catete 153- Catete.
    Capacidade: 55 lugares.
    13hs- Baltazar Juarez, harpa (México)
    ·15hs.Quinteto de Sopros da Banda de Fuzileiros Navais.Participacão especial Giovana Sanches, harpa. (Brasil)
     
    .
    __________________________________ 
    14 de julho (domingo)
    Museu do Exército- Forte de Copacabana.
    Praça Cel.Eugenio Franco 1- Posto 6 - Copacabana
    Capacidade: 120 lugares.
    · 15h.  Baltazar Juarez, harpa- México. Participação especial: Grupo da Orquestra de Cavaquinhos de Cabo Frio. Direção Maestro Angelo Budega. ( o cavaquinho brasileiro e a harpa).
    ______________________________________
    2ª. feira-15 de julho
    Biblioteca Nacional.        
    Rua México s/no. Centro
    Capacidade: 120 lugares.
    · 13h. Walter Morato (Argentina)
      15h.Jésus Suarez, harpa venezuelana (Venezuela).
    Jockey Club Brasileiro.
    Praça Santos Dumont 21- Gávea.
    20hs
    Salão das Rosas
    Capacidade: 50 lugares
    Jésus Suarez, harpa venezuelana (Venezuela)
    ______________________________________________
    16 de julho (terça-feira)
    Centro Cultural Justiça Federal.
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 90 lugares.
    · 15h- Al Nur Kibir – Ruda Brauns- alaúde (tipo de harp com17 cordas), Alexandre Bittencourt-instrumentos de sopros, Jafer Swamani, derbakke -Música Árabe
     
    Centro Cultural SESC-Quitandinha
    Sala Café Concerto
    Quitandinha- Petrópolis.
    Capacidade: 400 lugares.
    · 20h. Orquestra Rio Camerata. Regência Maestro Alexandre Rocha. Solista Alessandro Aguiar, harpa.
    ____________________________________________
    17 de julho (Quarta-feira)
    CCBB-
    Rua Primeiro de Março 66- 4º. Andar sala 26.
    Capacidade: 90 lugares.
    · 12:30hs - Jacques Vandevelde, harpa (Bélgica)
    ________________________________________________
    18 de julho (quinta-feira)
    Centro Cultural Justiça Federal.
    Av. Rio Branco 241-Centro-  Teatro
    Capacidade: 120 lugares.
    15hs-Jacques Vandevelde, harpa (Belgica) e Leandro Turano, piano.
    18:30hs-
    Academia Brasileira de Letras.
    Av. Presidente Wilson 203- Castelo.
    Capacidade: 200 lugares.
    Músico: Banda de Gaitas de Foles. Participação especial Gelton Galvão, harpa. (Brasil)
     
    _________________________________________
    19 de julho (sexta-feira)
    Centro Cultural Justiça Federal
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 90 lugares.
    · 15hs. 
    Jacques Vandevelde, harpa- Bélgica. 
    Espaço Cultural Arte SESC-
    Rua Marques de Abrantes 99- Flamengo.
    Capacidade: 200 lugares.
        18hs- Madrigal Cruz Lopes. Regência José Machado Neto. Participação especial,Jacques Vandevelde, harpa (Belgica)
    _________________________________________
    20 de julho- sábado
    Museu da República
    Rua do Catete 153.
    Capacidade: 55 lugares.  
      15hs.- Rafael Deboleto, harpa (Brasil)
     
    _________________________________________
    21 de julho (domingo)- 11hs
    Corcovado
    (Trem do Corcovado)
    Rua Cosme Velho no.513
    Capacidade: 60 lugares
    Músico: Rafael Deboleto, harpa (Brasil)
    Museu da República:
    Rua do Catete 153- Catete
    Capacidade:55 lugares.
    · 13hs.-Circe Chávez-Santander, piano (Bolivia). Part.Especial Rafael Deboleto, harpa. (Brasil)
    _______________________________________________
    22 de julho (segunda-feira)
    Biblioteca Nacional
    Rua México s/no. Centro.
    Capacidade: 120 lugares.
    · 13hs.- SHIVA GITA-INDIA- Cláudio Gama, harmonium, Mario Moura, sitar (tipo de harpa com 19 cordas), Jaffer Swamani, parkhawaj e tabla- Música Indiana.
      15hs-Duo Alessandro Aguiar, koto-harpa japonesa e Pierre Jatobá, oboé. (Brasil).
     
    ___________________________________________
    23 de julho (terça-feira) - .
    Centro Cultural Justiça Federal
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 80 lugares.
    15hs
    Aline Araújo, harpa- Brasil
    · 18hs. 
    Espaço Cultural Arte SESC-
    Rua Marques de Abrantes 99- Flamengo.
    Capacidade: 200 lugares.
    Lenda Céltica- Bárbara Cunha: harpa,violino, voz e contação de lenda; Victor Leite: violão e voz,  Vik Marins: bodhrán e harpa e João Pedro Barros, flautas tin whistle, doce e transversal. (Brasil)
     
    ___________________________________________
     
    24 de julho (quarta-feira)
    CCBB-
    Rua Primeiro de Março 66- 4º. Andar- Sala 26 -Centro
    Capacidade: 90 lugares.
    · 12:30 hs. Aline Araújo, harpa (Brasil)
    CC Justiça Federal-
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    15hs- Quarteto Fujiyama Nippon de Koto (Japão)
     
    __________________________________________
    25 de julho (quinta-feira)
    Museu da  Justiça
    Rua D. Manoel 29- Centro.-
    Capacidade: 60 lugares.
    · 12:30 h -
    ·  Aline Araújo, harpa- Brasil.
    ______________________________________________
    26 de julho (sexta-feira)
    Centro Cultural Justiça Federal
    Av. Rio Branco 241- Centro (Sala de Sessões).
    Capacidade: 80 lugares.
    · · 15hs.Juan Riveros, harpa- Estados Unidos.
    · · 18hs Gabriela Riveros Gayoso, harpa- PERU  
    · · 19hs Asociación Nacional Femenina de Danzantes de Tijeras e
    Intérpretes del Arpa y Violin del Perú  - (Harpa Andina peruana + Dança de Tesouras) - PERU
    ________________________________________
     
    27 de julho (sábado)
    Museu do Exército- Forte de Copacabana-
             Praça Cel. Eugenio Franco, 1- Posto 6 - Alameda.
             Capacidade: 800 pessoas.
    18hs –
    Orquestra do Forte de Copacabana. Participação especial da Asociación Nacional Femenina de Danzantes de Tijeras e Intérpretes del Arpa y Violin del Perú  - (Harpa Andina peruana + Dança de Tesouras) - PERU
     
     
    _____________________________________________
    28 de julho (domingo)
    Museu da República.
    Rua do Catete 153- Catete
    Capacidade: 150 pessoas.
    · 13hs- Duo Ventum, Cecilia Pacheco, harpa e Alef Caetano, flauta.(Brasil)  
    15hs Gabriela Riveros Gayoso, harpa +  Danzantes de Tijeras - PERU
    ________________________________________
     
    29 de julho (segunda-feira)
    Biblioteca Nacional
    Rua México s/no. Centro.
    Capacidade: 120 lugares.
    · 12:30 h.- Juan Riveros, harpa- Estados Unidos.
    · 15h. Thais Tejeda del Rio, harpa (Espanha)
    ________________________________________
    30 de julho- terça-feira-
    Centro Cultural Justiça Federal
    Av. Rio Branco 241- Sala de Sessões.
    Capacidade: 80 lugares.
    15hs Duo Thais Tejeda del Rio y Lidia del Rio de Miguel, harpa (Espanha)
     
    Espaço Cultural Arte SESC-
    Rua Marques de Abrantes 99- Flamengo.
    Capacidade: 200 lugares. 
    18hs- Juan Riveros, harpa- Estados Unidos.
     
    ________________________________________
    31 de julho (quarta-feira) - 
    ENCERRAMENTO DO XVIII RioHarpFestival
    CCBB.-
    Rua Primeiro de Março 66- 4º. Andar sala 26-
    Capacidade: 90 lugares.
    · 12:30 h.  Thaïs Tejeda del Río,harpa (Espanha).
    Palácio Tiradentes
    Rua Primeiro de Março, s/no
    Capacidade: 300 pessoas.
    18hs.
    Coral Vozes da África.
    Programa: músicas em Zulu, temas de filmes da África acompanhados por atabaques, piano e percussão africana. Participação especial Fabio Simões (¨Mukanya¨)- harpas africanas Kora e   Kamale N´Goni (do oeste africano de 12 cordas)  além de percussão da mesma região.


    • ARTE E CULTURA QUE PODEM TE INTERESSAR

      Rock in Rio 2024: Palco Sunset terá Planet Hemp convidando Pitty e show do Barão Vermelho
      Saiba Mais
      Rasgamundo, novo disco do Boca Livre, traz parcerias de grandes nomes da MPB, ouça
      Saiba Mais
      Escrito nas Estrelas, primeiro festival da canção de Maricá tem inscrições abertas até 03/06
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

DIVULGAÇÃO