MAIS COISAS >> Jornal Bafafá

  • ANS determina que planos de saúde cubram custos do exame rápido de Covid-19

    Da Redação em 20 de Janeiro de 2022    Informar erro
    A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) decidiu que os planos de saúde deverão cobrir testes rápidos para detecção de covid-19.
     
    O exame deverá ser feito mediante indicação médica, para pacientes com sintomas gripais ou quadro de SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave).
     
    O teste também deve ser feito entre o 1° e o 7° dia de início dos sinais respiratórios. O paciente deve apresentar pelo menos dois entre os seguintes sintomas: febre, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza, distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos.

    Em crianças, o responsável deve considerar obstrução nasal, na ausência de outro diagnóstico específico. Já no caso de idosos, é preciso considerar também critérios específicos de agravamento, como síncope, confusão mental, sonolência excessiva, irritabilidade e inapetência.
     
    A decisão da diretoria colegiada aconteceu nesta quarta 19/01, com base no momento atual da pandemia de circulação da variante ômicron, e foi encaminhada para publicação no DOU (Diário Oficial da União) e deve ser publicada nesta quinta 20/01 . A partir de então a cobertura passa a ser imediata.

    "Neste momento, compreendemos que a inclusão do teste rápido para detecção de antígeno pode ser realmente útil, tendo em vista que os testes rápidos são mais acessíveis e fornecem resultados mais rapidamente que o RT-PCR, por exemplo", explicou Paulo Rebello, diretor-presidente da ANS.
     
    A cobertura vale para beneficiários de planos de saúde com segmentação ambulatorial, hospitalar ou referência.
     
    A ideia é que com maior detecção será possível diminuir a disseminação da doença, bem como da sobrecarga dos serviços laboratoriais.

    Fonte: UOL


    • MAIS COISAS QUE PODEM TE INTERESSAR

      Centro de Convenções General Sombra: espaço de 1º mundo em Vassouras
      Saiba Mais
      EUA emitem a maior quantidade de vistos para brasileiros na história
      Saiba Mais
      Senado aprova bagagem gratuita nos aviões, lei depende de nova votação na Câmara
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

DIVULGAÇÃO