MAIS COISAS >> Jornal Bafafá

  • Homem joga barqueiro na água por ele exigir uso de máscara no Canal Marapendi

    Da Redação em 24 de Janeiro de 2022    Informar erro
    O operador de uma barca que faz a navegação no canal Marapendi, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, foi jogado na água por um passageiro que se negou a colocar a máscara após entrar na embarcação.
     
    O caso ocorreu na manhã de domingo (23) e o agressor ainda manobrou a lancha no atracadouro para sair dela e encontrar uma outra que o levasse.
     
    A reação violenta e incivilizada do homem, que já foi identificado e é morador de um condomínio de luxo do bairro, causou indignação em outros passageiros, que registraram ainda o funcionário nadando no canal antes de conseguir subir num píer.
     
    Funcionário da empresa que realiza a navegação entre os condomínios que margeiam o Marapendi e que leva moradores e visitantes até a praia, Paulo Henrique Santos relatou que sofreu ferimentos nos braços e pernas e contou como aconteceu o lamentável episódio. Tudo começou após ele orientar o passageiro sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, que no Rio de Janeiro permanece valendo mesmo para locais abertos, quando não houver possibilidade de distanciamento.
     
    “Ele do nada me deu um empurrão. Me segurei para tentar me reerguer, ele me pegou pelas pernas e me jogou dentro d’água”, falou o barqueiro. Paulo Henrique lembrou ainda que o homem chutou seu rosto quando ele tentou subir de volta na lancha, o que o obrigou a nadar até uma das margens para sair da água.
     
    O agressor foi identificado apenas como Leonardo Henrique. Ele é morador de um dos condomínios de luxo do bairro, o Mediterrâneo Flat, e é conhecido, segundo moradores e frequentadores do local, por sua truculência.
     
    Fonte: Revista Fórum


    • MAIS COISAS QUE PODEM TE INTERESSAR

      Prefeitura inverte o sentido da rua do Senado no Centro
      Saiba Mais
      Carioca pode sugerir locais para o plantio de árvores, região portuária ganha 26 mudas
      Saiba Mais
      Parque Eólico Gargaú, no norte do estado do Rio, produz energia para 80 mil pessoas
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

DIVULGAÇÃO