MAIS COISAS >> Jornal Bafafa

  • Teatro Rival tem novo patrocinador e não corre mais risco de fechar

    Da Redação em 10 de Janeiro de 2020    Informar erro
    Uma das casas de espetáculos mais tradicionais do Rio de Janeiro e do Brasil, o Teatro Rival tem novo patrocinador: a Refit, primeira refinaria privada carioca. Símbolo de resistência cultural, a casa passa a assinar Teatro Rival Refit.   
     
    A nova parceria é a cara da casa, a cara da cultura carioca. Afinal de contas, a Refit tem estado ao lado do Rio de Janeiro e de sua história. “A Refit completou 65 anos em dezembro e orgulha-se de fazer parte da história da Cidade Maravilhosa. Colaboramos com o crescimento do Rio, e os investimentos realizados proporcionam diversos benefícios para os cariocas”, afirma Jorge Monteiro, presidente da Refit, que já patrocina o Cristo Redentor, um dos nossos mais famosos cartões postais.
     
    Sob a gestão de Ângela Leal, o teatro, que completa 86 anos em 2020, tornou-se o berço de gerações da Música Popular Brasileira e espécie de lar para artistas de todos os estilos e gêneros. “O Teatro Rival foi inaugurado em 1934, com a peça ‘Amor’, de Oduvaldo Viana, estrelada por Dulcina de Moraes e Odilon Azevedo. Estreamos com ‘Amor’ e isso, por si só, é emblemático. É o amor que nos move. O amor por nossa cultura – e toda sua maravilhosa diversidade. Amor e respeito pela arte, pelos artistas, funcionários e público. A cultura é a alma do povo, e o Rival faz parte dessa alma. Por isso, a casa firma com nova empresa patrocinadora a fim de valorizar nossa carioquice e fortalecer nossa resistência cultural”, afirma Ângela, feliz com a promissora parceria com a Refit.
     
    “Esta é mais umas das ações da empresa para mostrar nosso carinho e atenção pelo Rio de Janeiro. Nosso desejo em contribuir para o desenvolvimento da cidade está marcado em duas grandes iniciativas recentes: patrocinar um dos maiores eventos culturais do Rio, o Salão Carioca do Livro – LER, e o principal símbolo da cidade e atração turística: o Santuário do Cristo Redentor”, diz o executivo da Refit.
     
    Atualmente, a Refit gera mais de mil empregos diretos e indiretos, e, por meio do projeto social Usina de Campeões, já favoreceu mais de 15 mil famílias de comunidades carentes. Se, na atual conjuntura, a cultura anda carente, o Teatro Rival Refit promete seguir lutando por ela, agora com novo “combustível”.

    ATENÇÃO
    Não somos responsáveis por alterações na programação.
    Recomendamos que confirmem os eventos através dos links ou telefones divulgados.
    Apenas organizamos e compartilhamos a informação.




    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Comentário do post Anna Margarida de Lima e Silva:
        Bravo! Parabéns, Ângela Leal! Grande parceria para a nossa resistência e Arte/Cultura cariocas!

      • Comentário do post Tania Maria:
        Parabéns, pela bela iniciativa! A nossa cultura não pode acabar.

      • Comentário do post Ronaldo sá:
        Quero parabenizar a querida e amiga Ângela Leal pela iniciativa de mudança para melhor para este espaço tão importante para os artistas e a população do Rio de Janeiro. Obrigada! Ronaldo Sá ( Músico)

      • Comentário do post Elizabeth Carvalho:
        Parabéns Teatro Rival. A atual direção da Petrobras só tem interesse em patrocinar corridaa de automóveis com firmas e strangeiras e.sem interesse psra o povo.

      • Comentário do post Júnior Argolo:
        O Rival é patrimônio brasileiro. Parabéns!


CURTA O BAFAFÁ!

DIVULGAÇÃO










#AGENDABAFAFA