TURISMO >> Histórias do Rio

  • Edifício Elixir de Nogueira, projeto do italiano Virzi, foi um marco arquitetônico do Rio

    Da Redação em 24 de Outubro de 2021    Informar erro
    Não era obra de Gaudí mas o edifício Elixir de Nogueira, na Glória, talvez tenha sido uma das construções mais originais que o Rio de Janeiro já possuiu.
     
    Projeto do italiano Virzi, foi construído em 1916 e, por seu valor arquitetônico, foi tombado. Mas o tombamento caiu em 1970, sem explicações convincentes.
     
    Com ele, veio abaixo também uma joia arquitetônica. Era considerado o mais importante prédio art nouveau da América Latina.
     
    No nível da rua, a fachada tinha um conjunto escultório que reunia ninfas, gárgulas e fitas alegóricas que se entrelaçavam em tonalidade mais clara que a cor do edifício e pareciam pular no direção dos traseuntes que circulavam na Rua da Glória, no número 214.
     
    Com estrutura cilíndrica nos dois primeiros andares, o edifício tornava-se retangular a partir dos pisos mais altos. O desenho do prédio causou estranheza e houve quem duvidasse de sua segurança.
     
    Foi uma obra inovadora que misturou concreto armado com estrutura metálica, mais um motivo para despertar tanta desconfiança.
     
    No entanto, o Elixir de Nogueira só desapareceu quando foi intencionalmente demolido em 1970 após seu destombamento.
     
    Fonte: Eliomar
     
    Leia mais: 


    • TURISMO QUE PODEM TE INTERESSAR

      Rio teve projeto de megaponte ligando Niterói, projeto teria 946 apartamentos
      Saiba Mais
      Hotel Moderno em Santa Teresa, um dos mais luxuosos do Rio, virou cortiço
      Saiba Mais
      Morro do Senado foi derrubado a partir de 1895 e os escombros utilizados para aterrar a Região Portuária
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

DIVULGAÇÃO