TURISMO >> Roteiros

  • Rio São João, um lugar para sonhar em Casimiro de Abreu

    Da Redação em 21 de Março de 2024    Informar erro
    Rio São João, um lugar para sonhar em Casimiro de Abreu

    Fotos: Divulgação


    O Rio São João deságua em Barra de São João, um distrito praiano de Casimiro de Abreu, na Região dos Lagos. Além das belezas naturais, ele oferece experiências maravilhosas de lazer em suas águas com barcos, caiaques, jet-skis ou pranchas de Stand Up Paddle, além de ser um local ideal para a prática da pesca.
     
    O Rio São João é um importante curso d'água que percorre o estado do Rio de Janeiro, nascendo na Serra do Mar, próximo à área de proteção ambiental de Macaé de Cima, nos limites entre os municípios de Silva Jardim, Nova Friburgo e Cachoeiras de Macacu.
     
    Ele é uma fonte vital de abastecimento de água para as cidades da Região dos Lagos, sendo responsável pelo represamento da lagoa de Juturnaíba.
     
    Localizado a 133 km do Rio, Casimiro de Abreu é um polo de turismo ecológico e rural com muitas opções: rios, cachoeiras e mar com destaque para o distrito de Barra de São João com extenso calendário cultural e gastronômico.
     
    Reparte, com o município vizinho de Silva Jardim, a Reserva Biológica Poço das Antas, que abriga vários animais ameaçados, entre eles o mico-leão-dourado. O nome do município vem de seu ilustre filho, o poeta romântico Casimiro de Abreu (1839-1860). 
     
    Até a chegada dos colonizadores de origem portuguesa, no século XVII, a região era habitada pela tribo Saraçu, um ramo dos índios goitacáz. Aos poucos, os goitacáz foram sendo exterminados pelos colonizadores de origem portuguesa. 
     
    Os festivais gastronômicos ganham destaque entre os eventos realizados no município, como o tradicional Festival de Crustáceos e Frutos do Mar e a Festa da Agricultura Familiar, em Barra de São João, e o Festival do Aipim, em Casimiro de Abreu.
     
    Eventos culturais e esportivos, nas mais diferentes modalidades, também vêm atraindo cada vez mais moradores e turistas que buscam entretenimento, lazer e diversão. 
     
    O Rio Macaé, que banha o município, possui águas claras, transparentes, com temperatura amena e grande número de quedas d‘água e corredeiras, formadas em consequência do desnivelamento de seu perfil. 
     
    No alto da Prainha está a capela de São João Batista e o cemitério, construções do século XVII, onde está enterrado o poeta Casimiro de Abreu.
     
    Perto dali, o Museu Casa Casimiro de Abreu, ocupa imóvel da primeira metade do século XIX, localizado na Praça As Primaveras. Era a residência da família de Casimiro de Abreu e local de trabalho de seu pai, servindo como um entreposto. 
     
    Enfim, um município nem tão conhecido assim, mas com uma ampla oferta de opções para passar férias incríveis. Se ficar sintonizado com o calendário, aproveita melhor ainda.
     
     

    VÍDEOS

    Rio São João (Casimiro de Abreu) drone


    • TURISMO QUE PODEM TE INTERESSAR

      Cabo Frio, um roteiro de três dias muito além das praias
      Saiba Mais
      Trilha dos Cardeiros, um paraíso escondido na Região dos Lagos
      Saiba Mais
      Teresópolis, a capital nacional do Lúpulo, tem projeto inovador de plantio
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Comentário do post M P Guimarães:
        Rio São João em Casimiro de Abreu? Claro que não. Como mostra as fotos, é Barra de São João, largada e abandona pelo poder público. Infelizmente pertencemos a Casimiro de Abreu.

      • Comentário do post Márcia link:
        É tudo isso e muito mais! Venham ver de perto, e segundo a tradição quem beber da água da região não quer ir embora!

      • Comentário do post Neuza:
        Pena a falta de conservação dos imóveis na rua as margens do Rio São João e próximo museu de Casimiro...

      • Comentário do post Deise Lucia da Silva:
        É linda mesmo a minha Barra de São João! Mas onde está enterrado o ilustre barrense, está largado, abandonado, sujo uma vergonha. E seu lar não tem como ser visto com quem passa pela Avenida Amaral Peixoto onde corta a cidade de Barra de São João. A Praça As Primavera se encontra cheio de barracas e treilher, feio! Seu busto se encontra de lado, literalmente de lado, ficou entre dois quiosques. Um prefeito que veio pela primeira vez, mudou todo o modelo das antigas, construiu quiosques de alvenaria, retirou o busto e o coreto que ficavam no meio da praça, lamentável. Passa prefeitos e ninguém faz nada. Triste! Infelizmente! Mas mesmo assim, venham conhecer Barra de São João, serão bem vindos!


DIVULGAÇÃO