MAIS COISAS >> Jornal Bafafá

  • ANVISA propõe medidas para conter varíola dos macacos no Brasil

    Da Redação em 25 de Maio de 2022    Informar erro
    Em nota, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou a adoção de medidas de proteção em aeroportos e aeronaves, na tentativa de adiar a chegada da varíola dos macacos ao Brasil. Foram confirmados por volta de 180 ocorrências da doença pelo mundo desde o início do mês.
     
    A infecção em questão é viral, geralmente leve, sendo endêmica em partes da África Ocidental e Central. A varíola dos macacos se espalha principalmente por contato próximo e, até o recente surto, raramente era vista em outras partes do mundo. Foi instituída uma sala de situação para monitorar o cenário da varíola do macaco no Brasil pelo Ministério da Saúde.
     
    A nota diz que “a Anvisa mantém-se alerta e vigilante quanto ao cenário epidemiológico nacional e internacional, acompanhando os dados disponíveis e a evolução da doença, a fim de que possa ajustar as medidas sanitárias oportunamente, caso seja necessário à proteção da saúde da população”.
     
    E completa: “Tais medidas não farmacológicas, como o distanciamento físico sempre que possível, o uso de máscaras de proteção e a higienização frequente das mãos, têm o condão de proteger o indivíduo e a coletividade não apenas contra a covid-19, mas também contra outras doenças”.
     
    Segundo a agência, as recomendações protegem não só contra a varíola e a Covid-19, mas também contra muitas doenças infectocontagiosas.
     
    Fonte: DCM/Anvisa


    • MAIS COISAS QUE PODEM TE INTERESSAR

      Cinema Icaraí, em Niterói, vai ser restaurado para abrigar espaço cultural
      Saiba Mais
      388 policiais recém-formados já reforçam o patrulhamento na capital carioca
      Saiba Mais
      Saquarema testa carro elétrico para utilizar na frota do município
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

DIVULGAÇÃO