MAIS COISAS >> Solidariedade

  • Fraternidade na Rua começa a atender 500 pessoas em situação de rua no Rio de Janeiro

    Da Redação em 30 de Junho de 2021    Informar erro
    Local: Fraternidade na Rua
    LINK: Clique aqui e visite o site
    Começa a funcionar a funcionar nesta quarta 30 de junho o projeto social Fraternidade na Rua voltado ao atendimento à população em situação de rua de nossa cidade.
     
    Liderado pela ONG Fraternidade sem Fronteiras (FSF), é um Centro de acolhimento referência, na Rua do Senado 52, no centro.
     
    O edifício de 900 metros quadrados tem 20 banheiros masculinos e femininos, além de área para banho com duchas, cozinha ampla, refeitório, áreas para triagem, curativos, atendimento médico, odontológico, psicológico, assistência social e corte de cabelo.
     
    A capacidade inicial vai distribuir 80 refeições por dia, mas a expectativa é alcançar até 500 pessoas nos diversos atendimentos diariamente. 
     
    Também haverá a prestação de serviços para a recolocação profissional. Para que o local comece a funcionar, os voluntários cadastrados se organizaram em grupos de acordo com a área de atuação profissional ou afinidade de trabalho: saúde, nutrição, doações, cozinha, limpeza, triagem, artes, entre outros. 
     
    O projeto pode ser ajudado na forma de contribuições em dinheiro ou voluntarismo no local nas diversas fases do atendimento (ver link acima).
     
    O coordenador da ONG Fraternidade Sem Fronteira, Wagner Moura Gomes, conta que ficou sensibilizado com a situação de rua no Rio e resolveu agir. Para isso, conseguiu a adesão de 300 doadores para viabilizar as instalações. "Achei indigno, movimentamos os núcleos para abraçar essa causa no Rio de Janeiro".
     
    Ele explica que o projeto é muito mais que o atendimento presencial. "Vamos encaminhar a população de rua para clínicas de recuperação, para o mercado de trabalho, bancando aluguéis sociais e pagando até as passagens de retorno de quem está na rua e é oriundo de outros estado". 
     
    Fraternidade Sem Fronteiras começou em 2009, com a criação de centros de acolhimentos para 14 mil crianças orfãs em Moçambique, na região mais pobre do mundo, a África Subsaariana com um milhão de pessoas com fome e seiscentos mil órfãos. 
     
    Depois se estendeu para Madagascar, Senegal, Malawi, Haiti, Brasil e agora chega ao Rio de Janeiro totalizando atendimento a 20 mil crianças.
     
    Para cada novo doador, de valores a partir de R$ 50, uma nova criança é aceita pelo projeto. 


    • MAIS COISAS QUE PODEM TE INTERESSAR

      Circuito Psicanalítico oferece apoio terapêutico gratuito na Internet
      Saiba Mais
      Campanha de Financiamento coletivo para ajudar o ator Marcos Oliveira (Beiçola) da série A Grande Família
      Saiba Mais
      Caco Barcellos e Padre Lancelotti distribuem saco de dormir criado por estilista para moradores de rua
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Comentário do post Eduardo:
        Só entrar no site da fraternidade sem fronteiras e selecionar o projeto fraternidade na rua

      • Comentário do post Regina Celi Pereira de Carvalho:
        Parabéns,não desanime,que Deus os abençoem

      • Comentário do post Regina Celi Pereira de Carvalho:
        como doar?

      • Comentário do post Rosi Fróes:
        Como fazer para ser voluntária?


DIVULGAÇÃO