TURISMO >> Bairros

  • Vidigal: o morro mais cult do Rio com vista estonteante

    Da Redação em 11 de Maio de 2020    Informar erro
    O Vidigal ganhou esse nome em referência ao ex-comandante da Guarda Real de Polícia da Corte no século XIX, o major Miguel Nunes Vidigal, que, devido aos seus serviços, recebeu de presente dos monges beneditinos, em 1820, um terreno ao pé do Morro Dois Irmãos, o qual foi ocupado por barracos a partir de 1940, dando origem à atual favela.
     
    Sua favela é o Morro do Vidigal, que deu origem ao bairro do Vidigal com uma população de 13 mil pessoas. O bairro e a comunidade do Vidigal, embora pobres, como toda favela, situam-se entre os bairros mais nobres do Rio, como Leblon e São Conrado, sobre o Morro Dois Irmãos.
     
    Até os anos 2000 era apenas uma favela, porem com a expulsão do tráfico de drogas o bairro começa a ter um lento e gradual processo de urbanização, tendo em vista seu potencial imobiliário e turístico. O bairro dá nome também à Praia do Vidigal que apesar do hotel Sheraton é aberta ao público.
     
    As pessoas costumam afirmar que a vista do mar a partir do Vidigal é a mais bela da cidade do Rio de Janeiro.
     
    Possui atualmente o 21º metro quadrado mais valorizado da cidade, custando em média R$ 6.706, estando R$ 2.800 acima da média da cidade R$ 3.853.
     
    Por muitas décadas, junto de outras favelas, Vidigal foi considerado um dos locais mais perigosos do Rio, devido à guerra do tráfico, mas em 2012 a comunidade passou a ser atendida pela 19° UPP.
     
    Isso possibilitou a instalação de dezenas de empreendimentos turísticos e gastronômicos tornando o morro “queridinho” da Zona Sul. Destaque para os eventos, festas e rodas de samba no Bar da Laje no Mirante da Arvrão.
     
    O bairro é também passagem para subir o morro Dois Irmãos, uma parte da cidade pouco conhecida até a pacificação do lugar. E também sede do grupo "Nós do Morro" que formou grande elenco de artistas de comunidades. Entre eles, Thiago Martins, Roberta Rodrigues, Jonathan Haagensen e outros. Outros artistas saídos do Vidigal são Marcello Melo Júnior, Babu, Douglas Silva, Darlan Cunha, Leandro Firmino.
     
    A parte inicial do bairro tem prédios e casas de classe média e muitos famosos moram lá, entre eles, o cantor Sérgio Ricardo. Além disso, o artista plástico Vicky Muniz tem ateliê e escola de artes no local.
     
    O Morro do Vidigal foi incluído pelo Vaticano como um dos locais de visita oficial do Papa João Paulo II em sua primeira viagem ao Brasil, em 1980. 
     
    Fonte: Wikipédia
     
     


    • TURISMO QUE PODEM TE INTERESSAR

      Igreja da Penha completa 385 anos, xodó da Zona Norte
      Saiba Mais
      Parque do Flamengo: o jardim com mais de 15 mil árvores em cenários incríveis de Burle Marx
      Saiba Mais
      Ex-prédios da Rádio Globo vão dar vez a residencial com amplo terraço e piscina de borda infinita
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

    Banner Pets

DIVULGAÇÃO