MAIS COISAS >> Jornal Bafafá

  • ALERJ aprova lei para atrair "nômades digitais", selo vai identificar estabelecimentos participantes

    Da Redação em 12 de Abril de 2024    Informar erro
    ALERJ aprova lei para atrair

    A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, em segunda discussão, o Projeto de Lei 199/23, do deputado Luiz Cláudio Ribeiro (PSD), que autoriza a criação do Programa “Rio Nômade Digital” para incentivar a vinda de profissionais que trabalham de forma remota através das tecnologias de informação e comunicação.
     
    O texto segue para o governador Cláudio Castro, que tem até 15 dias úteis para sancioná-lo ou vetá-lo.
     
    A proposta prevê que o Executivo poderá ampliar a conectividade à internet em destinos turísticos do estado, incentivar a criação de espaços de trabalho compartilhados (coworkings) e estabelecer parcerias com lojas e hoteis que tenham coworking.
     
    O Executivo também poderá criar o selo "Rio Nômade Digital" para identificar os estabelecimentos que ofereçam serviços adequados a esses profissionais. O texto também prevê a criação de um site para divulgar os estabelecimentos participantes do programa e de campanhas publicitárias para atrair nômades digitais brasileiros e estrangeiros.
     
    O autor destacou que, segundo dados divulgados pelo jornal Folha de São Paulo, em 2022, o Brasil concedeu pelo menos 300 vistos para nômades digitais que queriam viver e trabalhar no país. “Em média, houve quase uma aprovação por dia. O Rio de Janeiro possui destinos turísticos maravilhosos em todas as regiões do estado e não pode ficar de fora dessa nova realidade”, afirmou Luiz Cláudio.
     
    Fonte: ALERJ


    • MAIS COISAS QUE PODEM TE INTERESSAR

      Inspirado em Inhotim, Rio pode ter Parque do Porto na Região Portuária
      Saiba Mais
      Uber tem ponto de embarque exclusivo no Aeroporto Tom Jobim
      Saiba Mais
      Leilão da marca Jornal do Brasil fracassa novamente
      Saiba Mais


    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Seja o primeiro a comentar este post

DIVULGAÇÃO