TURISMO >> Bairros

  • Estação Leopoldina abandonada: descaso do poder público

    Da Redação em 01 de Agosto de 2020    Informar erro
    Desativada desde 2002, a Estação da Leopoldina degrada a olhos vistos. O edifício principal pertence à Superintendência de Patrimônio da União (SPU) e ao governo do estado. Já as estações de trem, na parte de trás, são da SuperVia, empresa responsável pelos trens urbanos do Rio.
     
    Construída em 1926, inicialmente unia o Centro do Rio a Petrópolis e Três Rios. Depois passou a atender trens para São Paulo e Belo Horizonte.
     
    Hoje a estação está toda pichada e com rebocos caindo em várias partes. Apesar da tentativa de recuperar o prédio para virar um centro cultural, nada saiu do papel. Existe até um projeto orçado em R$ 7 milhões para recuperar o edifício que já foi chamado de "joia ferroviária do Rio".
     
     
    Seu belíssimo saguão e as plataformas chegaram a abrigar festivais de música e festas particulares, mas hoje está completamente fechada.
     
    Devido à negligência do poder público, o Ministério Público Federal entrou com uma ação em 2010 para obrigar os responsáveis a restaurarem a estação já que o imóvel corre riscos de desabamento e até de incêndio. Nada foi feito até agora.
     
    A situação do lugar retrata o descaso do poder público com seu patrimônio. Triste!

    ATENÇÃO
    Não somos responsáveis por alterações na programação.
    Recomendamos que confirmem os eventos através dos links ou telefones divulgados.
    Apenas organizamos e compartilhamos a informação.




    • COMENTE AQUI

      código captcha

      O QUE ANDAM FALANDO DISSO:


      • Comentário do post Carlos Baptista de Azevedo:
        E lamentavel, a História escorrendo pelo ralo. Como Guia de Turismo lamento muito esse fato.


CURTA O BAFAFÁ!

DIVULGAÇÃO










#AGENDABAFAFA